GOD SAVE THE BEER.

Blog

By in Eu tomei uma... 4

Pérola Negra… e licorosa

A Pérola Negra foi uma boa supresa. Outra cerveja que escolhi pelo design do rótulo, mas porque também adoro cervejas escuras. Feita em parceria entre a Bastards Brewery e a Ignoru’s Bier, foi pensada como edição limitada a ser fabricada uma vez por ano.

É uma Russian Imperial Stout, tipo de cerveja escura, de sabores intensos. Tem 11,2% de álcool por volume.

É, com certeza. uma cerveja diferenciada, e o outro motivo que me fez escolhê-la, foi o fechamento. Depois da tampa, ela ainda é lacrada com cera. Achei super interessante! Na Rússia, na época da criação do estilo Imperial Stout, as garrafas eram fechadas com cera.

perola_negra_cera

Achei ela quase licorosa, a gente vê quando coloca no copo como é densa. Tem 11,2% de álcool por volume. Os sabores de café e cacau são super acentuados, mas não é tão amarga quanto eu esperei que fosse e portanto, outra boa supresa. O IBU dela é de 75. O máximo que o IBU chega, e eu acabei de descobrir o que IBU significa: International Bitterness Unit, algo como, Unidade Internacional de Amargor, é 120. Para mim, 75 já está esbarrando nos limites do que ainda acho agradável tomar. Tem gente que tem paladar mais tranquilo pra bebidas e comidas mais amargas, talvez eu não tenha, porque pra começar não bebo café, nunca bebi. Acho que isso pode influenciar. E também acho que se a cerveja é mais escura, ou seja, os sabores são mais fortes e o amargor aparece menos.

Comecei tomando a Pérola Negra sozinha, como sempre faço e depois num geral almoço ou janto. E cheguei a conclusão de que ela TEM que ser tomada sozinha. Ela perde muito no sabor se comemos alguma comida junto. Talvez funcione com belisquetes somente. Mas uma refeição, acredito piamente que não. Aprecie, aprecie, aprecie. Essa cerveja é definitivamente para ser apreciada, a cada gole.

Amargor: 6
Grau de tontura: 2

Até a próxima,

Mari Jorge


GSTB-MariJorge-100x100

Mamãe da Manu e designer gráfica. Adora viajar, comer e beber bem! Cozinha muito bem também, sendo sempre chamada de sous-chef do marido, mas às vezes quem faz o prato todo é ela mesma. A cerveja entrou tarde na vida dela, mas desde sempre quis coisas diferentes, as basiquinhas nunca conquistavam. Ama degustar uma cozinhando, quem não? Vai cozinhar e bebericar e falar de cerveja e comida e receitas e das meninas que adoram beber uma e maternidade? Sei lá, quem sabe. Site: jardimdoscaminhosquesebifurcam

Post navigation

4 comments on “Pérola Negra… e licorosa

  1. Glauco Ferreira

    Só para acrescentar informação, a Pérola Negra tem adição de cerejas em sua fabricação.

  2. Outra curiosidade, sobre o rótulo: se colocar na luz negra, a piratinha vira uma caveira 🙂

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *